DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA EDUCAÇÃO BÁSICA DIVERSIDADE E INCLUSÃO 2013

exemplo de imagem
(1)
Um dos desafios posto pela contemporaneidade às políticas educacionais é o de garantir, contextualizadamente, o direito humano universal, social inalienável à educação. O direito universal deve ser analisado isoladamente em estreita relação com outros direitos, especialmente, dos direitos civis e políticos e dos direitos de caráter subjetivo, sobre os quais a educa- ção incide decisivamente. Nessa perspectiva, torna-se inadiável trazer para o debate os princípios e as práticas de um processo de inclusão social, que garanta o acesso à educação e considere a diversidade humana, social, cultural, econômica dos grupos historicamente excluídos. Trata-se das questões de classe, gênero, raça, etnia, geração, constituídas por categorias que se entrelaçam na vida social, mulheres, afrodescendentes, indígenas, pessoas com deficiência, populações do campo, de diferentes orientações sexuais, sujeitos albergados, em situação de rua, em privação de liberdade, de todos que compõem a diversidade que é a sociedade brasileira e que começam a ser contemplados pelas políticas públicas.

detalhes

COMPONENTES CURRICULARES

Etapas, Anos e Modalidades

Tipos de Mídias

Sugerido por

Filtro a Excluir

Filtro a Excluir

Comentários

Compartilhe sua experiência de uso

ludimila pereira: Hoje a inclusão está acontecendo na escola. temos um ótima aceitação de alunos.
ludimila pereira: Hoje a inclusão está acontecendo na escola. temos um ótima aceitação de alunos.

Materiais do professor relacionados

Outros usuários também visitaram